fbpx

Omecaps

Quanto tempo leva para o colágeno fazer efeito?

Com o passar do tempo, é comum sentir que a pele já não apresenta a mesma elasticidade e firmeza. Isso acontece também com os ossos e articulações, que precisam das cartilagens para funcionarem adequadamente. Os médicos têm recomendado cada vez mais o consumo de suplementos de colágeno a fim de amenizar os quadros acima.

Entretanto, muitas pessoas desanimam e param de tomar as cápsulas porque não percebem resultados imediatos. Mas, afinal, quanto tempo leva para o colágeno fazer efeito? Reunimos várias informações muito interessantes sobre esse assunto no texto que segue. Confira!

Descubra qual é a função do colágeno

O colágeno é uma proteína que ajuda a manter a elasticidade de tecidos como a pele, cabelos, unhas e cartilagens. Ocorre que, a partir mais ou menos dos 30 anos, a produção natural dessa substância é reduzida no organismo. A partir de então, começamos a notar rugas, ter unhas um tanto mais fracas e até mesmo problemas como artrites e artroses.

A boa notícia é que existem maneiras eficazes de fazer a reposição do colágeno e estimular sua produção natural. O método mais comum é o consumo da versão hidrolisada da proteína. É comercializada em cápsulas ou em pó e deve ser consumida diariamente.

Além desses suplementos, você pode apostar na ingestão de alimentos ricos na substância, como a gelatina, a geleia de mocotó, os ovos, as carnes e algumas fontes de vitamina C, que ajudam na produção natural do colágeno.

Entenda quanto tempo o consumo do colágeno leva para fazer efeito

Os resultados práticos do consumo do colágeno vão depender de uma série de outros hábitos que você tiver. É importante ter em mente que as cápsulas dessa proteína não atuam como um remédio e não mudarão a aparência magicamente da noite para o dia.

Podem, contudo, retardar os danos naturais e garantir que você demore mais para apresentar sintomas da falta da proteína no corpo. Por isso, ingerir colágeno é um investimento de longo prazo. Além desse fator, para que você alcance bons resultados, é importante aliar o adequado consumo à alimentação saudável, aos bons hábitos de vida e à prática de exercícios regulares.

Não adianta muito, por exemplo, tomar colágeno regularmente, mas abusar do uso de álcool, por exemplo, fumar cigarros e passar muitas noites sem dormir. Nesses cenários, a deterioração não será proveniente do envelhecimento natural, mas sim do desgaste causado por aquelas substâncias nocivas ao organismo.

No caso de problemas nos ossos, o colágeno pode ajudar muito na preservação das articulações e no retardamento de sintomas das doenças degenerativas. Assim, consulte seu médico e questione acerca da dosagem adequada e o tempo de uso. Ele é o profissional adequado para fornecer as informações específicas sobre o seu caso.

Saiba como acelerar os resultados do uso do colágeno

Existem muitas formas de potencializar os resultados do consumo dessa substância. Para começar, faça mudanças nos seus hábitos. Procure praticar pelo menos uma caminhada leve por 30 minutos a uma hora todos os dias. Tome sol nos horários adequados a fim de intensificar a síntese da vitamina D, mas sempre com proteção de um bom filtro solar.

Além disso, o consumo de multivitamínicos e uma alimentação equilibrada vão ajudar a suprir outras necessidades do seu corpo que possam estar atrapalhando a produção natural e a síntese do colágeno.

O consumo habitual do colágeno pode trazer resultados significativos a longo prazo, especialmente quando aliado às boas práticas de rotina, como se alimentar bem, dormir pelo período adequado e praticar exercícios. Só que não existe um tempo exato para notar os resultados, e tudo vai depender da sua demanda e dos cuidados associados.

Já havia pensado sobre a importância do colágeno? Compartilhe este post nas suas redes sociais e convide seus amigos a se cuidarem melhor.

Receba gratuitamente atualizações, artigos e conteúdo de qualidade!

2 Comentários

Deixe uma resposta